Analise Sport 0 x 1 Nautico

24 01 2014

Ontem após 10 anos de invencibilidade, o Sport perdeu um clássico na Ilha do Retiro para o Náutico. E tabus tem dois objetivos mesmo, servirem de motivo para a zoação habitual e serem batidos.

Digamos que a cada 10 anos, o Nautico vence um jogo na Ilha, parece uma boa média, até para não desmotivar tanto assim o irmão pernambucano.

Claro que começar o ano perdendo um clássico não é bom, o ideal era termos vencido, mas no contexto da partida, com jogadores de ambos os times em fase de entrosamento, com a bola pipocando mais do que partida de Queimado, era previsivel que qualquer placar magro seria o mais provável.

Sobre os treinadores, ponto para Lisca que ciente do pouco entrosamento do time, montou um time compacto, saindo sempre em velocidade. Já o Sport de Geninho, apático e demonstrando sentir a falta de Marcos Aurélio, e que não se adaptou a sua ausência, tentou improvisar um Ailton, que continua instável, oscilando entre altos e baixos dentro da mesma partida.

Destaque mesmo foi a boa estreia de Ananias, quem diria! E de Everton Felipe, re-lembrando Ciro nos bons tempos, agil e passando como quis pelos jogadores do Náutico, so precisando ser lapidado, para não ter o mesmo fim de Ciro.

Obs 1: Se manter este ritmo, o Náutico vence o Sport na Ilha só em 2024? Entao é bom lançarem o DVD de ontem.

Obs 2: 10 anos!!!! A última vez q o Náutico venceu o Sport na Ilha, eu estava na faculdade ainda! Ja estava na hora.


Actions

Information

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s




%d bloggers like this: